Periódicos


| SciELO |


Scientific Electronic Library Online é um modelo para a publicação eletrônica cooperativa de periódicos científicos na Internet, criado para responder às necessidades da comunicação científica nos países em desenvolvimento e particularmente no Brasil, América Latina e Caribe.
O Modelo SciELO foi desenvolvido em parceria entre a FAPESP (external link) - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, BIREME (external link) - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde, e editores científicos, e conta com o apoio do CNPq (external link) - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.

Fonte: SciELO
 

 
CAPES - Periódicos |

O Portal de Periódicos, da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), é uma biblioteca virtual que reúne e disponibiliza a instituições de ensino e pesquisa no Brasil o melhor da produção científica internacional. Ele conta com um acervo de mais de 37 mil títulos com texto completo, 126 bases referenciais, 11 bases dedicadas exclusivamente a patentes, além de livros, enciclopédias e obras de referência, normas técnicas, estatísticas e conteúdo audiovisual.
 
Fonte: Portal Capes
 

 

| UNIR - Periódicos |


O portal de Periódicos da Fundação Universidade Federal de Rondônia - UNIR foi preparado para veicular revistas científicas, cadernos acadêmicos e anais de eventos produzidos na universidade, com o objetivo de promover a divulgação científica, artística e cultural e a disseminação do conhecimento gerados pelos cursos de graduação, grupos de pesquisa e programas de pós-graduação lato e stricto sensu.
A plataforma é gerida pela Editora da Universidade Federal de Rondônia - EDUFRO, com o objetivo de incentivar e orientar os conselhos editoriais para a criação e gestão editorial dos periódicos no formato eletrônico, a fim de fazer a automação das atividades editoriais.

Fonte: Portal de Periódicos da UNIR
 

 

Hemeroteca Digital Brasileira |

Na HEMEROTECA DIGITAL BRASILEIRA pesquisadores de qualquer parte do mundo passam a ter acesso, inteiramente livre e sem qualquer ônus, a títulos que incluem desde os primeiros jornais criados no país – como o Correio Braziliense e a Gazeta do Rio de Janeiro, ambos fundados em 1808 – a jornais extintos no século XX, como o Diário Carioca e Correio da Manhã, ou que não circulam mais na forma impressa, caso do Jornal do Brasil.

Fonte:  BND

 

 
Portal de Revistas em Medicina Veterinária e Zootecnia |

O Portal de Revistas em Veterinária e Zootecnia (PRVZ) teve início em setembro de 2013 mediante iniciativa da Biblioteca Virtual em Medicina Veterinária e Zootecnia (BVS-Vet), e é fruto da parceria entre a Biblioteca Virginie Buff D’Ápice da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo (FMVZ/USP) e do Conselho Regional de Medicina Veterinária e Zootecnia de São Paulo (CRMV-SP).

Fonte: BVS
 

 
Revista do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro |

Circulando regularmente desde 1839, a Revista do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro é uma das mais longevas publicações especializadas do mundo ocidental. Destina-se a divulgar a produção do corpo social do Instituto, bem como contribuições de historiadores, geógrafos, antropólogos, sociólogos, arquitetos, etnólogos, arqueólogos, museólogos e documentalistas de um modo geral. Possui periodicidade trimensal, sendo o último número de cada ano reservado ao registro da vida acadêmica do IHGB e demais atividades institucionais.

 
Revista Trabalho, Educação e Saúde |

Trabalho, Educação e Saúde é uma revista científica editada pela Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, da Fundação Oswaldo Cruz. Destina-se à publicação, com periodicidade quadrimestral, de debates, análises e investigações, de caráter teórico ou aplicado, sobre temas relacionados à educação no campo da saúde. A formação e a qualificação profissional e o processo de trabalho na saúde constituem temáticas centrais à revista. Neste sentido, busca atuar na consolidação da Educação como uma área de conhecimento no campo da saúde, além de contribuir para qualificar as práticas educativas específicas desse campo.

Seu público-alvo é formado por pesquisadores, alunos de graduação e pós-graduação, profissionais vinculados aos serviços de saúde, e docentes e gestores do campo da educação profissional em saúde. A fim de possibilitar o acesso amplo, Trabalho, Educação e Saúde põe à disposição dos leitores, gratuitamente, o conteúdo integral tanto do número atual quanto dos números anteriores

Fonte: RTES